Intoxicação em massa: alunos e professores do CENTRER lotam HM de Ouro Preto

Intoxicação em massa: alunos e professores do CENTRER lotam HM de Ouro PretoDurante todo o dia deste sábado (24) cerca de 40 alunos e professores do Curso técnicos de agropecuária do Centro de Treinamento da Emater (CENTRER) na E. T. de Ouro Preto do Oeste, estão sendo atendidos no Hospital Municipal com princípio de intoxicação alimentar.

Eles apresentam os seguintes sintomas: dores abdominais, vômito e diarreia, certa palidez e fraqueza, a enfermeira chefe, Margarete Lacerda, disse a nossa reportagem, que todos estão em observação e sendo medicados, não correm graves riscos, mas alguns deles estão no soro para repor a perda de líquido, outros tiveram de ser medicados com injetáveis para retirar as dores.

Conforme depoimento dos alunos, a provável causa desta intoxicação em massa, poderia ter sido causada pelo “vatapá” (prato forte, típico da culinária afro-brasileira), que foi servido ontem no almoço e repetido no jantar.

Conforme a Dra. Poliana Lacerda Pires, plantonista, ela iniciou hoje pela manha o atendimento e ainda continua durante toda à tarde, todos apresentam o mesmo quadro, gastroenterite (náusea, dores abdominal e cefaleia) típico de intoxicação alimentar.

O problema é que esta não é a primeira vez que isso acontece, conforme funcionários do H.M. outras vezes já teriam ocorrido, mas nunca nesta proporção.

Por: Wellington Gomes
Esporteenoticia.com 

CONTINUE LENDO NOSSA OUTRA PAGINA DE INFORMAÇÃO   

http://www.ouronoticias.com.br

Montagem criada Bloggif

SEM COMENTÁRIO